: Mais Magazine:: Comentários: 0

A Micronsense posiciona-se no mercado como a empresa nacional mais versátil e mais próxima do cliente. Na verdade, é a ela que recorrem empresas de pequena dimensão e até multinacionais, quando têm um problema. Graças à constante aposta na inovação e tecnologia incorporada, a empresa leiriense consegue detetar erros em peças em apenas alguns segundos, proporcionando modos de correção quase imediatos.


“A Micronsense nasceu com um propósito: o de construir um painel incorporando todas as tecnologias presentemente associadas à Metrologia. Só assim se consegue dar resposta às múltiplas problemáticas e requisitos tão diversos dos nossos clientes, nos nossos dias”, começa por explicar Hélder Morais, gerente da Micronsense.

A trabalhar com a indústria da metalomecânica, mas não só, a empresa presta ainda serviços aos setores automóvel, aeronáutica, eletrodomésticos, médica, moldes para calçado, maquinação em série e relógios. Metrologia portátil, Metrologia convencional CMM, Vídeo-Microscópio e tecnologia de CT, Metrologia baseada em sistemas de varrimento através de laser scan ou fotometria, ou ainda Metrologia de longo alcance, através de laser tracker são apenas algumas das valências da empresa gerida por Hélder Morais, a que se somam ainda a formação, consultoria, assistência técnica e comercialização de uma vasta gama de produtos.

O papel da Metrologia na Indústria 4.0
Presente em quase todos os aspetos e fases da nossa vida, a Metrologia adquire uma importância e uma complexidade ainda mais evidentes. A medição e os instrumentos de medição são essenciais na rotina diária de qualquer indústria. Para se destacar, uma organização precisa assegurar que o seu produto ou serviço possui alta qualidade, é moderno, inovador e que os seus processos têm fiabilidade. “No início não era dada a devida importância à Metrologia – as empresas não tinham percebido a sua importância e utilidade prática. No entanto, as crescentes exigências técnicas dos últimos 10 anos e, sobretudo, o terrível encurtamento dos prazos de fabrico vieram colocar a Metrologia na base da estrutura de uma empresa equilibrada”. Na verdade, o mercado foi despertando e as empresas foram percebendo que já havia ao seu lado uma entidade com a maturidade e, sobretudo, a ambição e perfeccionismo necessários para as apoiar: a Micronsense.

Inovação e tecnologia fazem, obrigatoriamente, parte do ADN da Micronsense. Responder a todos os níveis de exigência da indústria moderna é a principal premissa da empresa, que através da complementaridade única dos seus serviços e do mais amplo painel de opções tecnológicas de prestígio assegura a prontidão e qualidade de resposta a todos os clientes. “Os desafios da Indústria 4.0 não são de agora, são apenas o corolário resultante da evolução das tecnologias no que toca à fiabilidade e valor dos dados e capacidades de os ligar no contexto de cada empresa, por forma a serem utilizados de forma útil na correção dos problemas, prevenção e melhoria contínua. As tecnologias atuais colocam ao dispor estes dados de uma forma clara, rápida, fácil de interligar
e com cada vez menor fator de erro humano de processamento.
A Micronsense preocupa-se com este serviço, mas temos a noção de que temos de o fazer com parceiros que complementem uma
solução conjunta, pois trata-se sempre de uma tarefa multidisciplinar”, assume Hélder Morais. Por forma a atingir este compromisso a empresa aposta numa seleção de marcas de prestígio capazes de satisfazer as necessidades e exigências do mercado. “Penso que é difícil pedir mais, quando temos como parceiros fabricantes algumas das mais conceituadas marcas do planeta na nossa área, nomeadamente: FARO, WENZEL e ABERLINK, OGP, GE e ainda a JANOPTIK. A escolha destes parceiros é o maior ativo no conhecimento que a Micronsense obtém e transporta para os seus clientes, bem como a qualidade e permanente compromisso com o desenvolvimento das tecnologias”.

Em retrospetiva Hélder Morais mostra-se satisfeito com o caminho traçado pela empresa. Para o futuro “o foco é capacitar a empresa cliente e parceira para a ‘Metrologia integrada nos processos’, através da formação e educação técnica dos seus quadros”. Para além disso, a empresa espera continuar a ser um aliado para os seus clientes no processo de “evolução para um modelo de fábrica eficiente”.

Leave a Comment