: Mais Magazine:: Comentários: 0
teletrabalho

António Costa apresentou novo pacote de regras que entra em vigor dia 10. O teletrabalho continua obrigatório, as regras de isolamento mudam nas escolas e as exigências de testagem alteram-se.

O teletrabalho vai continuar obrigatório por mais uma semana, passando a recomendado a partir de 14 de janeiro, no âmbito das medidas de combate à pandemia de Covid-19, segundo decidiu esta quinta-feira o Conselho de Ministros.

Nas lojas, continua a lotação de uma pessoa por cada cinco metros quadrados. Os bares e discotecas reabrem no dia 14 de janeiro, com obrigatoriedade de testagem para acesso.

Quanto às escolas a abertura está marcada já para a próxima segunda-feira, 10 de janeiro, e está confirmado o fim do isolamento de turmas. Vai igualmente ser promovido um esforço de testagem de professores e assistentes operacionais das escolas “nas próximas duas semanas”.

O certificado digital vai continuar a ser usado, sendo obrigatório para entrar em restaurantes, estabelecimentos turísticos, espetáculos culturais, eventos com lugares marcados e ginásios.

É necessário teste negativo para visitas a lares, visitas a pacientes internados em estabelecimentos de saúde, grandes eventos e eventos sem lugares marcados ou recintos improvisados, e ainda recintos desportivos.

Nas fronteiras continua obrigatório o teste negativo para todos os voos que cheguem a Portugal, com sanções para as companhias de aviação que não cumpram a medida. O primeiro-ministro, António Costa, considera que “podemos avançar, mas com cautela” e destaca a importância do trabalho da ciência.

Mantêm-se as recomendações de utilização de máscara e do distanciamento físico, nomeadamente evitando grandes aglomerados.

Leave a Comment